Guia Instituto Usuário Online

Dicas para sua Carereira e seus Negócios
A Prova TOEFL é Difícil? Guia Completo para Passar no Exame [De 1ª]

Vai fazer uma prova TOEFL?

Está com medo que vai ser difícil?

Calma, neste artigo vou te ajudar a passar na prova com dicas top. 😉

Um dos maiores mitos do exame TOEFL é quanto ao seu nível de dificuldade e é justamente por isto que abordarei esse tema hoje, para acabar com esta crença!

Se você precisa realizar algum exame para atestar sua proficiência em um segundo idioma, com certeza já se deparou com a seguinte frase:

TOEFL é difícil

Mas, embora esse exame seja um bicho de sete cabeças para muitos candidatos, saiba que não há com o que se preocupar, afinal com estudo e uma boa preparação tudo é possível!

Além do mais, podemos entender a dificuldade como algo muito pessoal, afinal nem todos estudam do mesmo jeito e principalmente, da forma certa.

Então, um dos maiores motivos que leva à temida prova TOEFL é justamente nesse sentido, já que é um teste que exige um estudo assertivo, ou seja, com preparo focado nas questões e estrutura da prova.

Pare de achar desculpa para seu resultado no exame do TOEFL

candidatos que não passam no exame toefl

Assim, embora você queira incansavelmente arrumar um estudo estatístico para demonstrar a dificuldade (ou não) desse exame, saiba que:

  • Não há dados nesse aspecto ainda, uma vez que se trata de uma verdade silenciosa.

Mas, embora não se tenha uma resposta simples e única para essa pergunta, alguns pontos podem ser levados em consideração para avaliar o grau de dificuldade do exame TOEFL.

É justamente por isso que preparei este super guia para você.

Antes de acreditar cegamente na ideia de que a prova TOEFL é difícil você possa pensar a respeito, avaliando a sua condição, pois a dificuldade de um idioma varia muito de pessoa para pessoa.

Então, vamos parar de conversa mole e vamos ao que interessa!

Confira os tópicos a seguir e considere as dificuldades elencadas da melhor maneira possível,
avaliando se cabem ou não à sua situação!

Conteúdo do Guia para a prova TOEFL:

O conteúdo deste Guia da Prova TOEFL está assim dividido:

Entenda o nível de dificuldade da sessão de leitura da prova TOEFL

O exame de leitura vai ser moleza!

Até pode ser, mas vale alguns cuidados e preparações. . .

prova de leitura exame toefl

A habilidade de leitura talvez seja uma das consideradas mais fáceis por todo candidato, considerando que é o que estamos mais habilitados a fazer em outro idioma, certo?

Além disso, a leitura durante o exame TOEFL pode ser feita de forma dinâmica, sem ter que se preocupar tanto com regras gramaticais, vocabulários e etc.

Entretanto, para algumas pessoas essa habilidade pode ser bem complicada, especialmente com relação à leitura de fontes mais informativas, como no caso do inglês norte-americano.

Outro fato que pode acabar gerando uma certa dificuldade na leitura durante a prova, é que o teste é todo feito com um foco mais acadêmico, com assuntos e questões voltados à ciência e história.

Isso pode se tornar uma pedra em seu sapato, considerando que muitos termos técnicos de cada área podem acabar dificultando a leitura e com o nervosismo do momento se torna mais difícil pensar racionalmente.

Para exemplificar o que estamos mencionando, trago um estudo realizado no ano de 2012, onde esse demonstrou que a habilidade leitura no exame TOEFL é tida com mais dificuldade que um texto de leitura mediana, justamente pela presença do vocabulário mais acadêmico.

Contudo, isso irá variar dependendo do seu idioma nativo, considerando que pessoas com idiomas latinos (como o caso do português) podem ler com mais facilidade esse tipo de prova, devido à semelhança com o idioma materno.

Por isso, para minimizar esses problemas durante a sessão de leitura no dia do exame, o ideal é que você leia bastante conteúdo acadêmico, a fim de estar bem preparado e ler tudo certinho.

Além disso, no dia, leia de forma natural, começando sempre a leitura devagar, para não perder detalhes importantes, que com certeza farão diferença.

Qual o nível de dificuldade da sessão de compreensão oral do exame TOEFL?

Para a grande maioria dos estudantes, a compreensão auditiva é a sessão mais difícil, exigindo uma capacidade de memorização rápida afiadíssima.

como é a prova oral do TOEFL o que falar

Isso ocorre primeiramente devido as gravações terem um ritmo natural (o que no dia será bem complicado de associar tanta informação) e depois pelo fato do conteúdo falado possuir gírias, vícios de linguagem e uma pronúncia característica.

Como se não bastasse, todos os áudios gravados só podem ser ouvidos uma única vez e há também aqueles que possuem mais de 5 minutos de gravação, ou seja, dificulta a compreensão de toda a narração.

Assim, essa sessão é sim a mais difícil de toda a prova TOEFL, visto que é preciso muita concentração, afinal é difícil prestar atenção aos áudios durante tanto tempo e saber filtrar as informações importantes para o momento de responder as questões.

Para melhorar o seu desempenho, recomendamos que treine em casa a escuta de discursos autênticos (noticiários, documentários e programas de TV), para ir se acostumando.

Assim, você estará muito mais preparado, considerando que esses programas apresentam uma maior dificuldade que a compreensão oral no dia do exame TOEFL, treinando a sua capacidade de acompanhar o que os participantes falam (rapidamente), com as expressões idiomáticas usuais, enfim.

Qual é a dificuldade da sessão de escrita e conversação da avaliação TOEFL?

Neste último tópico irei abordar as provas de conversação e escrita  em conjunto, considerando que ambas se complementam quando a questão é dificuldade.

Para mensurar então o nível de facilidade ou não dessas sessões, considere os seguintes pontos:

  • 2/3 da sessão conversação e ½ da sessão escrita contemplam as habilidades de leitura e compreensão oral, ou seja, sessões que apresentam uma dificuldade significativa;
  • Não existe uma resposta certa ou uma errada durante a escrita e conversação,
    dificultando a mensuração do nível de dificuldade total.

Sendo assim, essas duas sessões são as mais temidas pelos candidatos, até mesmo por que envolve outros fatores além da preparação, como o nervosismo, vergonha de se comunicar, ansiedade, medo de se expressar errado e ficar com baixo desempenho e etc.

Mesmo que estas provas sejam baseadas em um vocabulário acadêmico (assim como no exame de leitura) ao qual você esteja acostumado, é preciso muito treino, para ter controle de todos os fatores acima mencionados.

Pois nestas provas, principalmente na conversão os fatores psicológicos pesam bastante.

Entretanto, não se desespere, pois as perguntas não são terríveis e é possível pensar em diversas respostas, ou seja, são duas sessões bem flexíveis para explorar o seu vocabulário, podendo se expressar como se sentir mais confiante e confortável.

  • Aqui a principal dica é falar o que você sabe do assunto, não tente inventar nada. Assim tudo flui de forma mais natural.

Sendo assim, podemos considerar a parte da escrita e conversação sessões difíceis por um lado, mas fáceis por outro, o que definirá o seu grau de dificuldade será justamente o nível do seu vocabulário e gramática.

Quanto mais você treinar a sua capacidade de comunicação, melhor se sairá no dia da prova TOEFL.

O “bixo” TOEFL nem é tão feio assim, em?

Portanto, agora você já conhece um pouco mais sobre as sessões do exame TOEFL.

Agora se a prova vai ser difícil ou não dependerá apenas de você!

Não crie e principalmente entre em pânico baseado no que os outros dizem.

Com um bom estudo e treino preparatório seu desempenho será o que você deseja.

Lembre-se que a maioria dos candidatos atinge a pontuação desejada e você também vai!

Agora é com você!

Abraço, bons estudos e um boa prova TOEFL!

https://guiaituonline.com.br/cursos-intercmbio/

 

%d blogueiros gostam disto: