Como Sair da Corrida dos Ratos: 3 Atitudes para Enriquecer

Você já sentiu como se estivesse preso em um ciclo?

Você só trabalha e trabalha cada vez mais, mas parece que as contas aumentam na mesma proporção com que você trabalha. Ou então pior, aumentam ainda mais.

Quando você conversa com seus amigos e familiares estão todos na mesma situação. Atualmente todo mundo está sempre muito ocupado e trabalhando muito. Hoje em dia as pessoas se orgulham em dizer que estão trabalhando muito e não têm tempo pra nada.

Mas por que será que todo mundo está trabalhando tanto, mas ao mesmo tempo parece ter a sensação de não sair do lugar?

Ao menos a maior parte da população parece passar por isso.

Enquanto que existem algumas poucas pessoas que têm sucesso e riqueza acima da média. E muitas vezes não parecem trabalhar tanto quanto os outros.

Bom, a diferença dessas pessoas para a maioria é que elas conseguiram sair da Corrida dos Ratos.

Elas conseguiram sair desse ciclo onde cada vez nós trabalhamos mais sem sair do lugar.

E o objetivo deste artigo é apresentar 3 atitudes que essas pessoas têm e que fizeram elas chegarem onde estão.

O Que é a Corrida dos Ratos?

Corrida dos Ratos é um termo utilizado por Robert Kiyosaki, autor do best-seller Pai Rico, Pai Pobre.

No livro ele descreve a Corrida dos Ratos como sendo esse ciclo onde, desde pequenos, nós somos ensinados que precisamos estudar muito no colégio, para tirar boas notas e conseguir entrar em uma boa faculdade.

Na faculdade, novamente precisamos tirar boas notas para conseguir um bom emprego.

Com este bom emprego passamos a ser bem remunerados, então podemos comprar um bom carro e uma casa. Mas com esse carro e casa, nossas despesas aumentam na mesma proporção.

Então é preciso se qualificar ainda mais, possivelmente fazendo uma pós-graduação, para que consigamos uma promoção no trabalho. Agora nosso salário aumentou novamente.

Assim é possível comprar um carro melhor, passar a viajar mais com a família, e quem sabe até se mudar para um bairro melhor na cidade.

Mas novamente os gastos com todas essas mudanças aumentam muito, então é preciso estudar mais, a fim de ganhar mais dinheiro, e o ciclo continua.

Esta é a famosa Corrida dos Ratos. Estamos sempre buscando aumentar a nossa renda, e quando conseguimos aumentá-la, elevamos nossos gastos na mesma proporção.

Como Sair da Corrida dos Ratos

Segundo o autor, a maior parte das pessoas passa a sua vida inteira na Corrida dos Ratos. Afinal, nós somos ensinados desde criança que isso é o que devemos buscar.

Mas algumas poucas pessoas conseguem sair deste ciclo, e estas são as pessoas que realmente conseguem enriquecer.

E como que os ricos fazem isso? Como que eles saem da Corrida dos Ratos?

A principal diferença entre os ricos e as demais pessoas, é que, as pessoas que estão na Corrida dos Ratos passam suas vidas trabalhando pelo dinheiro. Vendendo suas horas em alguma empresa.

Enquanto que os ricos fazem o dinheiro trabalhar a seu favor.

Ou seja, os ricos conseguem gerar renda passiva, que trabalha para eles mesmo enquanto estão descansando.

E para ter essa renda passiva, existe algo em específico que os ricos fazem, que é construir ativos.

As pessoas que realmente conseguem sair da Corrida dos Ratos passam a sua vida construindo ativos, ao invés de passivos.

Veja a diferença. As pessoas que estão presas na Corrida dos Ratos, sempre que ganham mais dinheiro, realizam o sonho de comprar um carro melhor ou uma casa melhor.

Entretanto, este bens são todos passivos. Ou seja, eles tiram dinheiro do nosso bolso. Enquanto que os ativos colocam dinheiro no nosso bolso.

Essa é a principal diferença entre as pessoas ricas e as pessoas pobres. Os ricos passam suas vidas comprando e construindo ativos, enquanto os pobres compram passivos, que apenas vão tirar mais dinheiro dos seus bolsos.

E aliado a esse pensamento de comprar ativos, os ricos também tem algumas crenças e algumas atitudes nas quais se baseiam para conseguir alcançar a riqueza.

Atitudes para Enriquecer

Portanto, vamos listar 3 dessas atitudes que os ricos empregam em suas vidas para conseguir enriquecer.

ganhar dinheiro e enriquecer investindo

Sacrificar o presente pelo futuro

Perceba como quem está preso na Corrida dos Ratos, sempre que ganha algum dinheiro, já quer ter a recompensa imediata. Já quer realizar os seus sonhos todos agora. Já compra o carro ou a casa que sempre sonhou.

Mas ao fazer isso, ao antecipar nossos sonhos, além de estar adquirindo passivos, muitas vezes nos endividamos.

Ou seja, esses bens que adquirimos, vamos ter que passar anos ou até mesmo a vida inteira pagando.

E a maior diferença entre as pessoas ricas é que elas entendem que não podem antecipar os seus sonhos. Elas também querem o carro e a casa dos sonhos, mas têm consciência de que existe um momento para adquiri-los.

Por isso que ao invés de utilizar o dinheiro extra ganho com trabalho e estudo comprando passivos e antecipando sonhos, eles utilizam este dinheiro para comprar ativos.

Assim desde cedo esses ativos começam a trabalhar a favor deles.

Pode ser pouco no início, mas eles entendem que no longo prazo eles terão ativos tão grandes que será possível sair da Corrida dos Ratos.

Ou seja, eles sacrificam o conforto presente, para ter um conforto muito maior no futuro.

Então por exemplo ao invés de comprar um carro hoje quando ganham dinheiro, eles preferem continuar andando de ônibus, e utilizam esse dinheiro em aplicações financeiros ou para adquirir e criar novos negócios.

Assumir a responsabilidade

Essa atitude está inteiramente relacionada à forma de pensar dessas pessoas.

A maioria das pessoas que ainda estão presas na Corrida dos Ratos, quando algo não acontece da forma que gostariam em suas vidas, elas têm o costume de colocar a culpa em algum fator externo.

Seja a economia que está ruim, os políticos que roubam seu dinheiro, a crise que o país está passando, ou até mesmo alguém que lhe fez algo.

Mas ao fazer isso, você está dizendo a si mesmo que não tem controle sobre a sua vida. Está dizendo que a sua vida depende desses fatores alheios e que você não pode fazer nada.

Já as pessoas ricas pensam diferente.

Elas assumem a responsabilidade por tudo que lhes acontece, seja de bom ou ruim. Então se algo não acontece como planejado, ao invés de ficar reclamando, elas pensam no que erraram, o que aprenderam e o que podem fazer para que não aconteça novamente.

No momento em que você assume a responsabilidade por tudo na sua vida, você reivindica o poder para mudar qualquer coisa nela.

A Demonstração do Fluxo de caixa (DFC) como Ferramenta de Análise Financeira

Pensamento de abundância

Outra atitude que essas pessoas têm também está na forma de pensar. Elas possuem o pensamento de abundância, e não de escassez.

E no que consiste isso?

A maior parte das pessoas acredita que há uma quantidade limitada de riquezas no mundo.

Colocando de outra forma, são aquelas pessoas que acreditam que para que alguém consiga ganhar dinheiro, outra precisa perder. Mas isto não está correto, e pensar dessa forma não vai lhe levar muito longe.

As pessoas ricas não pensam dessa forma, até porque elas entendem que não é assim que a economia funciona.

A riqueza pode ser criada. E tudo o que é criado e desenvolvido passa a ter seu próprio valor intrínseco, e a contar para a totalidade de riquezas do planeta.

Para enriquecer de verdade, e conseguir sair da Corrida dos Ratos, é preciso desenvolver a mentalidade de ganha-ganha.

Que se resume em:

“como que eu posso criar algo de valor, que também vai gerar valor para outras pessoas, de forma que todos saiam ganhando?”

Estas são apenas algumas das atitudes que as pessoas ricas empregam em suas vidas.

E se você conseguir entender e realmente aplicá-las também, estará muito mais perto de sair da Corrida dos Ratos.

8 Dicas Como Ler Melhor e Rápido, de Forma mais Produtiva em 2020 [entendendo tudo]